(61) 3526 0136

SENADO FEDERAL - SENADO FEDERAL

Sobre o concurso

Após a ótima notícia sobre a autorização do concurso Senado Federal, a Casa instituiu comissão que ficará responsável por todos os trâmites do concurso público.

A comissão examinadora do próximo concurso Senado teve mudanças em sua composição. A alteração foi publicada neste 07 de outubro. O presidente da Casa, senador Davi Alcolumbre, nomeou mais dois integrantes para dar prosseguimento aos trâmites do novo edital.

Dois novos servidores foram designados. Com as alterações, a comissão passa a contar sete integrantes para trabalhar nos preparativos do edital do Senado Federal 2019.

Eles serão responsáveis pela elaboração das provas, avaliação dos candidatos, definição do cronograma, contratação da banca organizadora, entre outros detalhes do certame. Leia abaixo as principais informações sobre o concurso Senado 2019.



Cursos disponíveis

Curso  
SENADO FEDERAL - TÉCNICO LEGISLATIVO - ESPECIALIDADE: POLÍCIA LEGISLATIVA - JORNADA DA APROVAÇÃO - 2021 Nível Médio Polícia Legislativa Pacote Saiba mais

ou R$ 549,90 à vista

SENADO FEDERAL - TÉCNICO ADMINISTRATIVO - ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO 2021 Nível Médio Apoio Técnico Administrativo Pacote Saiba mais

ou R$ 499,00 à vista

SENADO FEDERAL - ANALISTA LEGISLATIVO - APOIO TÉCNICO AO PROCESSO LEGISLATIVO - ESPECIALIDADE: PROCESSO LEGISLATIVO 2021 Nível Superior Pacote Saiba mais

ou R$ 589,90 à vista

CURSO ONLINE SENADO FEDERAL COM COACHING - Nível Médio POLÍCIA LEGISLATIVA Pacote Saiba mais

ou R$ 699,00 à vista

DIREITO CONSTITUCIONAL PARA O CARGO DE TÉCNICO ADMINISTRATIVO - ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO - SENADO FEDERAL - SILVIO SANTANA E BETO FERNANDES 2021 Nível Médio Técnico Administrativo Matéria Saiba mais

ou R$ 59,90 à vista

GRAMÁTICA PARA A POLICIA FEDERAL - DIOGO ALVES - 2021 Nível Médio Matéria Saiba mais

ou R$ 49,90 à vista


Concurso Senado

De acordo com o Ato de autorização, ficam ofertadas as seguintes vagas para o concurso Senado:

I – Técnico Legislativo, Nível II, padrão 21, na especialidade Policial Legislativo, com requisito de escolaridade de nível médio: 24 (vinte e quatro) vagas;

II – Advogado, Nível III, padrão 41, na especialidade Advocacia, com requisito de escolaridade de nível superior: 4 (quatro) vagas;

III – Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Administração, com requisito de escolaridade de nível superior: 2 (duas) vagas;

IV – Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Arquivologia, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

V – Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Assistência Social, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

VI – Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Contabilidade, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

VII – Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Enfermagem, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

VIII – Analista Legislativo Informática Legislativa 1 (uma) vaga autorizada.

IX – Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Processo Legislativo, com requisito de escolaridade de nível superior: 2 (duas) vagas;

X – Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Registro e Redação Parlamentar, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

XI – Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Engenharia do Trabalho, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga;

XII – Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Engenharia Eletrônica e Telecomunicações, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 (uma) vaga.

Ao todo, serão 40 vagas imediatas, além de formação de cadastro de reserva, ou seja, os candidatos serão chamados, conforme a necessidade da Casa.

Vale destacar que em seu último concurso, o Senado Federal nomeou 150% a mais do que o previsto em edital.